Sem categoria

Pequenas alegrias do dia a dia

Hoje vou sair um bocado da horta para vos mostrar uma coisinha que hoje estreamos.

No meu dia a dia não bebo muito café, prefiro um bom chazinho, mas de vez em quando apetece mudar e saborear também o café. Quando criança, lembro-me do cheiro que se espalhava na casa quando o pai preparava o seu num moinho eléctrico. Naquela altura ainda não podia beber café, mas o aroma dos grãos acabados de moer ficou bem gravado na minha memória. Hoje tivemos uma ocasião para reviver essas impressões. Como?

Há umas semanas o J. fez anos, decidi então de realizar um dos pequenos sonhos dele e procurar um antigo moinho de café. Foi um presente envenenado, porque, embora de ser em um bom estado geral, o moinho precisava de alguns toques. O J. limpou a madeira e o mecanismo (felizmente, não estava danificado), lixar o verniz antigo e pintar as partes metálicas exteriores e a madeira.

Podem ver o efeito final (infelizmente, não pensámos em tirar fotografias de ‘antes’):

moinhocafe moinhocafe2 moinhocafe3

 Agora é só esperar até que o cafeeiro da Sogrinha comece a dar grãos suficientes 🙂

cafesogros

You Might Also Like